Facebook

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Câmara de Rosário aprova afastamento da prefeita Irlahi por Improbidade Administrativa

Renato Viana Waquim     junho 03, 2013  21 Comentários


Com a decisão da Câmara, assume o vice-prefeito, Douglas Sena (PTB).
 

Rosário (MA) - Em sessão ordinária e histórica na noite desta Segunda-feira (03), a Câmara Municipal de Rosário afastou por 90 dias (3 meses) a prefeita Irlahi Linhares Moraes (PMDB) por improbidade administrativa e não comprimento dos dispositivos da Lei Orgânica do Município, entre outras irregularidades que ainda devem ser apuradas.

Com o Palácio Dorotéia Queiroz lotado e debates acalorados, a votação da matéria durou mais de duas horas e terminou com a vitória da oposição que conseguiu um voto decisivo entre os governistas, num placar apertado de 6 a 5. A decisão deve ser publicada na edição desta Terça-feira (04) no Diário Oficial do Estado (DOE).

A principal justificativa surgiu após uma matéria/denúncia do morador Claudson Roberto, publicada em primeira mão no blog Rosário Notícias (RN), onde foi mostrado uma publicação  no Diário Oficial da União (DOU) sobre uma licitação de R$ 919.450,00 (quase 1 milhão de reais) para fornecer combustíveis e derivados para todas as Secretarias cuja empresa vencedora é a Moraes e Linhares Ltda, pertencente a prefeita e sua família que detêm uma rede de postos de combustíveis, sendo um posto na Rua Padre Possidônio e o outro no povoado Prata. 




Vereadores que votaram a favor do afastamento de Irlahi
Sandro Marinho (PSD); 
Jardson Rocha (PP); 
Francimar Oliveira – Preto (PP);
Jorge do Bingo (PTdoB);
Ademar do Sindicato (PRP); 
Luís Carlos – Kiko (PP)

Vereadores que votaram contra o afastamento de Irlahi:
Pedrosa Filho – Necó (PSB);
 Agenor Brandão (PV); 
Carlos do Remédio (PTC); 
Josias Santos (PMDB);
Nazareno Barros (PTdoB).

Faltou:
Magno Nazar (PRP) 


É importante ressaltar que o presidente da Câmara, o vereador Léo Cavalcante (PTB) só teria direto a voto em caso de empate. No entanto, foi o voto do vereador governista Luis Carlos, o Kiko (PP), que decidiu o afastamento de Irlahi do comando da Prefeitura de Rosário, gerando aplausos da população que também cobrou o afastamento..


_______________________________________________________________



A improbidade administrativa caracteriza a conduta inadequada de agentes públicos, ou de particulares envolvidos, que por meio da função pública:
  • Enriqueçam ou obtenham alguma vantagem econômica de forma indevida em razão do exercício de cargo, mandato, função, emprego ou atividade em órgãos e entidades do serviço público;
  • Causem dano ao patrimônio público, com o uso de bens públicos para fins particulares, a aplicação irregular de verba pública, a facilitação do enriquecimento de terceiros à custa do dinheiro público, entre outros atos;
  • Violem os deveres de honestidade, imparcialidade, legalidade e lealdade às instituições públicas.
LEI Nº 8.429, DE 2 DE JUNHO DE 1992.
Dispõe sobre as sanções aplicáveis aos agentes públicos nos casos de enriquecimento ilícito no exercício de mandato, cargo, emprego ou função na administração pública direta, indireta ou fundacional e dá outras providências.

_______________________________________________________________



Prefeita de Rosário contrata sua própria rede de postos de combustíveis por quase 1 milhão de reais


,

21 comentários :

  1. Se lascou ououou se lascouuuu...

    ResponderExcluir
  2. Agora sim eu vi um milagre na Câmara.

    ResponderExcluir
  3. É o castigo de Deus, Rosário ainda tem jeito, só falta prefeito.

    ResponderExcluir
  4. 30 anos se preparando pra ter o pior começo que já se viu nessa cidade. UM desastre e eu não sei o que ta passando na cabeça dela pra fazer tantas merdas.

    ResponderExcluir
  5. Poxa ela tinha tudo pra ser a melhor entre todos os prefeitos. Mas não... Quem ti viu e quem ti ver Enganahi.

    ResponderExcluir
  6. Ninguem fez tanta merda em tão pouco tempo.

    ResponderExcluir
  7. Erros em sequência e tentativas de esconder e abafar escândalos como a dedetização da Escola Coelhinho com intoxicação de crianças, professores e contaminação da merenda escolar, compra imoral de 1 Milhão de Reais de combustíveis em seu próprio posto e a compra sinistra de mais de 200 Mil Reais em caixões de defunto, provoca indignação na população e vereadores reagem com votação surpresa e aprovam afastamento da prefeita por 90 dias.
    É a Câmara Municipal cumprindo seu papel, tentando corrigir os desmandos, a omissão e os desastres dessa administração confusa e desorientada.

    ResponderExcluir
  8. É muito burra essa prefeita! Tinha tudo p fazer uma boa administração! Mas, também, botou logo as irmãs p serem suas secretárias, Pedro Vasconcelos p a limpeza pública e licitações, combustíveis p o posto de gasolina do papaizão, venda de caixões da pax dos seus subalternos! E isso é o q se sabe... Daqui a pouco vai levar a vaca leiteira da prefeitura p casa! Bem feito!KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  9. quem rir por ultimo,rir melhor...

    ResponderExcluir
  10. Ninguém tem que ri de nada. Os rosarienses tem mais é que chorar de vergonha. VERGONHA de ter um governo SEM-VERGONHA!!!

    ResponderExcluir
  11. Em 5 meses o governo da prefeita Irlahí não conseguiu sequer funcionar.
    Na infraestrutura nada foi feito. A cidade nunca esteve tão abandonada, nem nos piores momentos de Raimundo João, Ivaldo ou Bimba a cidade foi tão esculachada.
    Falta de limpeza urbana, ruas. bueiros, enchentes. Sem iluminação pública, Rosário estava literalmente numa grande escuridão.
    A educação sem professores nas salas de aula, e sem salários ou com salários atrasados. Nas escolas não tinha merenda, não tinha nada. Ônibus para transporte de alunos nos povoados, nem pensar. Educação em descaso total.
    Na Saúde estamos vivendo nosso grande drama. Nas administrações passadas o hospital funcionava aos trancos e barrancos, mas funcionava. Agora nada funciona. Tudo foi parado e pessoas morreram por falta de atendimento básico.
    Os escândalos recentes (Dedetização da Escola Coelhinho, Compra de combustíveis e Compra de caixões de defunto) foi apenas o estopim de um governo que vinha cambaleando e batendo cabeça sem rumo, mostrando incompetência em todas as áreas e vivendo de aparências e dos discursos e projetos faraônicos de ministros e deputados aliados em busca e ávidos de votos.
    Mais uma vez este governo deixa todos os outros para trás, e agora no quesito NEPOTISMO: Nunca na história de Rosário o nepotismo foi tão descaradamente praticado como no governo de Irlahí Linhares.
    Politicamente é um governo fraco, repleto de representantes rancorosos e reprovados pelas urnas, muitos despreparados e sem a mínima experiência para os cargos a que foram designados, e pior, com ideias embalsamadas por um tempo que já passou.
    A Câmara de Vereadores fez a leitura correta, acertou no diagnóstico e aplicou o remédio na dosagem certa.

    ResponderExcluir
  12. Irlahi montou um time sem representabilidade politica, porisso passa constrangimento.

    ResponderExcluir
  13. Irlahi está cercada de uns que se acham e não são nada e de outros que não são nada e se acham.

    ResponderExcluir
  14. E precisava ser notificada? Ela devia é se mancar! Uma gestora que contrata os postos de gasolina do seu pai p/ servir ao município por quase 1.000.000,00; comprar 200.000,00 só de caixões em empresa aliada;deixar médicos sem receber dinheiro há 03 meses; hospital situação caótica(não tem nem esparadrapo) e por aí vai... e ainda precisa ter amplo direito de defesa? Me poupe...

    ResponderExcluir
  15. Quê que é isso, minha gente. Agora vamos esculachar quem? Perdi a graça.

    ResponderExcluir
  16. E, sobre o esculacho, vamos esperar o vice. Tenho certeza que vai dar inspiração. É como dizia Teodoro, lá do Lentel: "Mudam os cocos, as cotias são as mesmas".

    ResponderExcluir
  17. O que se passa na cabeça dela? É só chifre? O irmão dela é juiz e não a orientou sobre as consequências dos seus atos? Valeu a sua saída. Deveria ser definitiva.

    ResponderExcluir
  18. Interessante..passei em Rosário 16 anos atras e asruaseram só buracos...passei ha 12 eram mais buracos...passei ha 08 só buracos..passei ha 04 anos, buracos e mais buracos..por não haver mais espaço para tantos buracos, fou o jeito fazer um buraco nas contas públicas..povo, se conformem, prefeito nenhum presta..é tudo uma cirja de malfeitores.

    ResponderExcluir

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Compartilhar

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo