Facebook

Gadgets

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Necó propõe Audiência Pública sobre a paralisação da obra de construção de um hospital regional de 50 leitos

Renato Waquim (Rosário Notícias)     maio 20, 2015  1 Comentários

  
Vereador Pedrosa Filho
Rosário-MA: O vereador Pedrosa Filho (Necó) apresentou um requerimento N° 013/2015 objetivando a realização de uma Audiência Pública para que a Prefeitura de Rosário e o Governo do Estado do Maranhão debatam amplamente com a sociedade civil a situação da obra de construção de um hospital regional de 50 (cinquenta) leitos em Rosário que foi abandonada no ano passado pelo governo Roseana Sarney e que continua parada. Recentemente tal problemática foi alvo de factoides e ataques da gestão municipal contra a gestão estadual, na tentativa de tirar o foco da situação de abandono na principal casa de saúde do município.

De acordo com o documento, a Audiência Pública deverá ser realizada no Palácio Dorotéia Queiroz sede da Câmara Municipal de Rosário, situado na Praça Getúlio Vargas (Praça da Matriz), no dia 19 de junho deste ano, com início às 09h00min, para proferir palestra seguida de debate.

Em contato com o blog Rosário Notícias (RN), o vereador lamentou a situação que tem passado o município e comentou a proposição que tem como objetivo discutir a paralisação da citada obra em Rosário, objeto do contrato Nº 78/2014, Secretaria de Estado da Saúde, Processo Nº 257.610/2013-SES, no valor de 18.281.164,49 (dezoito milhões duzentos e oitenta e um mil cento e sessenta e quatro reais e quarenta e nove centavos), com vigência de 420 (quatrocentos e vinte) dias. 

“Não existem argumentos que justifiquem a sistemática negativa de contumélias plantadas em nosso município versando que o governador Flávio Dino não tem interesse na construção desta casa de saúde, razão pela qual estamos propondo este conclave que tem como finalidade garantir política pública de qualidade à nossa gente, abordando o que ocorre com a maioria das cidades nordestinas, estando Rosário em situação de emergência, visto que as condições desumanas em que se encontra o município, consequência de várias décadas de administrações desastrosas, sem nenhum respeito pela população local. Nossas ruas encontram-se em estado deplorável, 60% (sessenta por cento) não tem asfalto e o período chuvoso transforma os buracos existentes em verdadeiras crateras, não há saneamento básico, boa parte da população vive na extrema pobreza, alto índice de mortalidade infantil, abastecimento de água caótico, bem como acumulo de água suja nas ruas, somado aos fatores acima aludidos, chega-se a conclusão que são os principais causadores de várias enfermidades, que vem agravando consideravelmente nosso sistema de saúde, tendo em vista que 100% (cem por cento) da população é atendida pelo SUS”, disse o vereador Pedrosa Filho.

O requerimento é direcionado à prefeita do município de Rosário, Irlahi Linhares Moraes em conjunto com a promotora de Justiça da 1ª Vara da Comarca de Rosário, Maria Cristina Luma Lobato Murillo; ao Secretário de Estado da Saúde, Marcos Pacheco; ao presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão, o deputado estadual Stênio Rezende; a secretária municipal de Saúde, Mauricéa Rodrigues Lopes; ao proprietário da empresa IRES Engenharia Comercio e Representação Ltda, João Luciano Luna Coelho; ao Gestor de Saúde da Regional de Rosário, Willame Waquim Anceles; e a Sociedade Civil.

, ,

Um comentário :

  1. Se somar os outros 12 vereadores não dar metade dos projetos que Necó fez por Rosário. Ta na hora do povo abrir a mente e ver que ele é o único que apresenta matérias contundentes a população.

    ResponderExcluir

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Recent comments

Social

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo