Blogue de notícias com a credibilidade que você merece!


PF iniciou investigações com ajuda da CGU

As investigações que culminaram com as prisões no Maranhão e no Piauí, tiveram como base fiscalizações da Controladoria Geral da União. Em janeiro do ano passado, a Polícia Federal entrou no caso e, com a ajuda dos auditores da CGU, descobriu uma das maiores fraudes no desvio de dinheiro público no Maranhão.

Segundo a Controladoria Geral da União, foram investigadas cerca de 50 empresas. Vinte e oito não existiam e 23 eram apenas de fachada. Quarenta empresas regulares participaram das fraudes. Ainda segundo a CGU, as negociações com as empresas investigadas deram um prejuízo aos cofres públicos de mais de R$ 30 milhões.

A Operação Rapina teve como alvo nove municípios maranhenses, considerados como os que apresentam os piores índices de desenvolvimento humano de todo o país.

Operação Rapina

•500 empresas investigadas

•28 empresas fantasma

•23 empresas de fachada

•40 empresas regulares envolvidas

•Prejuízo: r$ 30.605.593,32

Fonte: CGU
Share on Google Plus

About Renato Waquim (Rosário Notícias)

0 comentários:

Postar um comentário

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.