Facebook

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Ministro da Justiça e Roseana Sarney devem explicações sobre o caos que se instalou em Pedrinhas

Renato Waquim (Rosário Notícias)     setembro 19, 2014  Sem Comentários

Do Ucho.info
roseana_sarney_33
Face lenhosa – Ministro da Justiça, sem ter currículo para tanto, o petista José Eduardo Martins Cardozo deve uma explicação aos brasileiros, em especial à população do Maranhão, que por força do coronelismo da família Sarney transformou-se no mais miserável estado da federação.

Desde outubro de 2013, a Força Nacional de Segurança – corporação criada no vácuo da fanfarrice de Lula para mostrar a suposta competência de um governo pífio – está no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, sem que resultados positivos tenham surgido ao longo do tempo. Aliás, desde então só se tem notícias de fugas e assassinatos dentro do complexo prisional.
Nos últimos dias, mesmo com a presença de tropas federais, o Complexo de Pedrinhas registrou inúmeras fugas, uma delas ocorrida na manhã desta quarta-feira (17), quando presos escaparam por um túnel. Fora isso, outros detentos se limitaram a pular o muro e com extrema facilidade alcançaram a rua, como se a segurança local simplesmente inexistisse. Na verdade, a segurança da unidade prisional é terceirizada e executada por uma empresa cujo proprietário é amigo da família de José Sarney, o caudilho que há cinco décadas faz do Maranhão o seu quintal particular.
A situação no Maranhão é tão grave, que o secretário estadual de Justiça e Administração Penitenciária, Sebastião Uchoa, pediu demissão do cargo horas depois da exibição de imagens em que presos aparecem pulando o muro do presídio. Transmitidas ao vivo, as cenas foram gravadas pela TV Mirante, emissora que integra o grupo de comunicação pertencente à família Sarney.
Enquanto alguns presos venciam os arames farpados colocados para dificultar as fugas, outros, já do lado de fora, eram monitorados por um grupo de servidores do presídio, situação que a qualquer instante poderia sair do controle e colocando em risco a integridade das pessoas.
Incompetente e arrogante, mas também covarde, a governadora Roseana Sarneysequer deu satisfação ao povo maranhense sobre o caos que se instalou no Complexo de Pedrinhas. Roseana está acostumada a tratar os problemas do estado com seu conhecido desdém, o que já não causa indignação nas pessoas mais próximas. A associação entre o Ministério da Justiça, por meio da Força Nacional de Segurança, e o governo do Maranhão fracassou de forma vergonhosa, a ponto de os presos não respeitarem os policiais incumbidos de reforçar a segurança no presídio.
Por conta do fiasco que mais uma vez ganhou a cena maranhense, não apenas o ministro da Justiça deve uma explicação convincente ao povo do Maranhão, mas também e principalmente a governadora Roseana Sarney, que depois de dois governos consecutivos ainda não mostrou a que veio. Sem contar o envolvimento da filha do coronel Sarney no escândalo da Operação Lava-Jato. Afinal, segundo relato da contadora Meire Bonfim da Silva Poza, o doleiro Alberto Youssef pagou propina no valor de R$ 6 milhões para que Roseana liberasse o pagamento de um precatório em favor da empreiteira Constran.
Fosse o Brasil um país minimamente sério, Roseana Sarney e seu bando, incluindo os familiares, há muito estariam contemplando o nascer do astro-rei de forma geometricamente distinta, o famoso sol quadrado.

,

0 comentários :

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Compartilhar

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo