Facebook

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

PF prende 4 policiais legislativos suspeitos de proteger Sarney e Edinho Lobão da Lava Jato

Renato Waquim (Rosário Notícias)     outubro 21, 2016  Sem Comentários

Edinho Lobão e José Sarney
A Polícia federal deflagrou, nesta sexta-feira, 21, a Operação Métias, que visa desarticular uma suposta organização criminosa que tentava atrapalhar investigações da Lava Jato.
Quatro policiais legislativos foram presos: Pedro Ricardo Carvalho, diretor da polícia do Senado, Geral Cesar de Deus Oliveira, Everton Taborda e Antônio Tavares.

“Foram obtidas provas de que o grupo, liderado pelo diretor da Polícia do Senado, tinha a finalidade de criar embaraços às ações investigativas da Policia Federal em face do Senadores e ex-Senadores, utilizando-se de equipamentos de inteligência”, diz nota emitida pela instituição.
A PF informou que a Justiça Federal suspendeu os policias legislativos envolvidos do exercício da função pública.
Os policiais estavam usando varredura eletrônica anti-grampo telefônico em endereços fora do Senado – o que não é permitido. Pelas normas da Casa são autorizadas somente dentro do legislativo.
O aparelho teria sido usado em seis imóveis ligados a três senadores e um ex-senador: Fernando Collor (PTC-AL), Lobão Filho (PMDB-MA), Gleisi Hoffmann (PT-PR) e José Sarney (PMDB-MA).  Ainda não está claro se os senadores souberam, pediram, ou autorizaram as varreduras.
Conforme informações preliminares, nenhum gabinete de Senador foi alvo de ação esta manhã.
( Com informações da Folha.com)

,

0 comentários :

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Compartilhar

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo