Facebook

sexta-feira, 8 de abril de 2016

DNIT garante na Comissão de Obras da AL que a duplicação da BR-135 recomeçará dia 18

Renato Waquim (Rosário Notícias)     abril 08, 2016  Sem Comentários

Em reunião na quinta-feira (7), na Comissão de Obras da Assembleia Legislativa, o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Maurício Itapary, garantiu aos deputados que a duplicação da BR-135 recomeça no dia 18 e que as equipes já estão realizando a limpeza do local, para a retomada dos trabalhos.
O superintendente disse que os serviços de tapa-buraco estão sendo realizados no restante da BR-135 e que o mesmo vai ser feito na BR-222. O coordenador de Engenharia do DNIT, Glauco Henrique Ferreira, também participou do encontro dando informações sobre os problemas enfrentados pelas rodovias federais maranhenses e que será feito para resolvê-los.
Vários parlamentares participaram da audiência, além dos integrantes da Comissão de Obras e da Frente Parlamentar em Defesa das BR’s no Maranhão. Antes, o superintendente do DNIT esteve com o vice-presidente da Assembleia, Othelino Neto (PCdoB), para antecipar algumas das informações que seriam levadas para o encontro.
Othelino afirmou que os maranhenses estão enfrentando sérios problemas por conta da buraqueira e da não conclusão da duplicação da BR-135 e ouviu do superintendente do DNIT que os trabalhos de duplicação serão retomados a partir do elevado de Bacabeira. O vice-presidente cobrou urgência na retomada dos serviços.
O presidente da Comissão de Obras e da Frente Parlamentar em Defesa das BR’s, deputado Fábio Macedo, também disse ao superintendente do DNIT que a audiência foi para pressionar a retomada dos trabalhos, por conta da população do Estado está sofrendo muito com os problemas nas BR’s. O deputado anunciou que a Frente vai a Brasília, na próxima semana, para manter audiência com o ministro dos Transportes, para garantir que as obras sejam finalizadas.
Outro deputado que participou do encontro foi Vinícius Louro (PP), que questionou os sucessivos aditivos, elevando o valor da obra de duplicação do primeiro de trecho da BR-135, de apenas 26 quilômetros, para R$ 116 milhões, mas mesmo assim não foi concluída. Disse também que, em relação à operação tapa-buraco, viu apenas uma caçamba executando esse serviço.
Mesmo diante da pressão, o superintendente do DNIT informou que, antes de começar a retomada da duplicação, seis equipes já estão atuando várias equipes, no restante da BR-135 e que na segunda-feira outras duas vão começar a trabalhar também.
O presidente do Sindicato das Empresas de Cerâmica do Estado, Benedito Mendes, participou da reunião e disse que a situação caótica das BR’s está prejudicando sensivelmente a economia maranhense e pediu também urgência nos serviços. Mendes contou que os caminheiros não querem fazer mais frete para São Luís, por conta, principalmente, da situação da BR-135.
O superintendente informou garantiu que em 45 dias os serviços no trecho da BR que precisa de tapa-buraco estarão concluídos e que o atraso na duplicação aconteceu por conta da troca da construtora.
Fonte: JUSBRASIL.

, , , , , , , ,

0 comentários :

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Compartilhar

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo