Facebook

Gadgets

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Vereador denuncia ‘farra’ de licitações de uma mesma empresa que já faturou mais de 7 milhões em Rosário

Renato Viana Waquim     maio 28, 2014  Sem Comentários

O vereador Preto do Raça (PP) denunciou na tribuna da câmara, na sessão da última segunda-feira (26), um excesso de licitações ganha pela mesma empresa que já faturou mais de 7 milhões dos cofres públicos de Rosário.
Segundo a denúncia, a empresa N.M Bastos (Construtora Bastos) com sede na rua 28 de janeiro, na cidade de São Domingos do Maranhão, foi beneficiada em pelo menos 16 licitações realizadas pela prefeitura de Rosário, acumulando um valor exorbitante de sete milhões de reais para execução de obras no município de Rosário.
Já há alguns dias os vereadores Preto do Raça, Léo Cavalcante, Jardson Rocha e Sandro Marinho vem investigando a empresa. Eles já foram até à cidade de São Domingos do Maranhão para colher informações sobre a citada empresa.
Na errata dos anos de 2013 e 2014, vimos com clareza que a empresa foi, de fato, contemplada para diversas obras. Vimos também os valores pagos pela prefeitura, bem como as resenhas dos contratos publicados no diário oficial do estado – DO.
Com mais essa, os parlamentares estão buscando apurar a fundo sobre um possível favorecimento da empresa nas licitações da prefeitura de Rosário, a fim de que seja elucidado o caso. Ontem, por exemplo, alguns vereadores, até mesmo do próprio grupo da prefeita Irlahi Linhares (PMDB), comentaram sobre a instauração de uma comissão parlamentar de inquéritos – CPI para que seja investigado a fundo o porquê de uma mesma empresa ser contemplada em diversas licitações no município de Rosário em apenas 1 ano de 5 meses do governo Irlahi.
Em pronunciamento na tribuna da câmara, Preto disse que 1 ano e 5 meses a construtora Bastos ganhou 17 licitações, para obras que vão de colocação de asfalto; para construção de unidade básica de saúde – UBS; reforma do hospital SESP; pavimentação asfáltica;  obras de drenagem; construção de uma academia de saúde;  manutenção de iluminação pública; recuperação de prédios públicos; reformas de escolas; ampliação de unidade escolar e recuperação de pontes.
O mais incrível, segundo o vereador, é que a Construtora Bastos trabalha até com manutenção de iluminação pública e atualização de arquivo municipal.
O presidente da casa, vereador Léo Cavalcante (PTB) reiterou que a câmara deverá investigar através de CPI a forma de como são realizadas as licitações em Rosário. Léo disse que essa não é a primeira e nem a última empresa que ganha licitação de forma suspeita na cidade. Segundo ele, outras mais também tem contrato sob suspeição, fator este, que os vereadores estão investigando.

Fonte: Bacabeira em Foco.

, ,

0 comentários :

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Recent comments

Social

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo