Facebook

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

FIEMA anuncia unidade do SENAI para Bacabeira

Renato Viana Waquim     fevereiro 06, 2012  Sem Comentários

Edilson Baldez lança programa para Fiema 
BACABEIRA-MA: O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema), Edilson Baldez das Neves, apresentou ontem (3) o Programa de Desenvolvimento e Evolução do Sistema Fiema. Trata-se de um plano de ação pioneiro de atuação do Sistema Indústria no Maranhão - que é formado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Social da Indústria (Sesi), Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e pela Fiema - em 2012 e 2013. O lançamento do programa aconteceu no auditório da Federação e foi transmitido por meio de videoconferência para Bacabal e Imperatriz.

"Vamos entrar em uma nova era, porque o desenvolvimento do Maranhão passa por aqui. Temos que nos preparar para atender as novas demandas que virão com o crescimento industrial que está previsto até 2016, quando deveremos ter o investimento de R$ 100 bilhões com a instalação de grandes projetos industriais por todo o estado que levarão a criação de até 200 mil empregos. Estamos alinhando o modelo de gestão e fazendo novos investimentos para nos preparar para atender a demanda das indústrias que estão se instalando e das que já operam no estado", disse o presidente da Fiema.

O programa de Desenvolvimento e Evolução do Sistema Fiema, lançado ontem, prevê o investimento de R$ 67,23 milhões na construção de três novas unidades do Senai em Bacabeira, Santa Inês e mais uma em São Luís; na aquisição de cinco unidades móveis de ensino profissionalizante, nove unidades móveis de saúde, na criação do Centro de Aprendizagem, Empreendedorismo e Inovação, bem como na reformar e ampliação de todas as unidades existentes do Sesi - localizadas em Açailândia, Bacabal, Balsas, Caxias, Imperatriz e São Luís - e do Senai (Açailândia, Bacabal, Balsas, Caxias, Imperatriz e São Luís) e da sede da Fiema.

A meta é expandir o número de matrículas no Sesi e no Senai que já vem em expansão. Segundo os dados anunciados ontem pelo presidente da Fiema, o Senai deverá chegar em 2012 á 48 mil matrículas em educação profissional e 8,4 mil matrículas em todos as modalidades de ensino do Sesi.

"O Senai em 2008 tinha 19 mil matrículas e fechou 2011 com 41 mil matrículas, enquanto o Sesi que em 2009 tinha 5,2 mil matrículas em todas as modalidades de ensino, chegue a mais de oito mil matrículas este ano. Este número não incluem o crescimento que podemos projetar com a nova estrutura", comentou Baldez.

Lançamento - No evento de lançamento do Programa de Desenvolvimento e Evolução do Sistema Fiema estiveram presentes o diretor corporativo da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Fernando Trivellato; o secretário de Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Maurício Macedo; o presidente da Federação do Comércio, José Arteiro; a presidente da Câmara de Diretores Lojistas de São Luís (CDL-SL), Socorro Noronha e o secretário municipal de Meio Ambiente, Afonso Henrique de Jesus Lopes.

Trivellato afirmou que a CNI tem trabalhado para preparar a indústria para enfrentar a competitividade do mercado global. "O programa da Fiema está alinhado com a orientação de termos os melhores modelos de gestão. Este plano será construído no dia a dia por cada um dos colaboradores do Sistema Indústria no Maranhão", afirmou.

Já o secretário estadual de Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Maurício Macedo, comentou que o Programa de Desenvolvimento e Evolução do Sistema Fiema é um exemplo a ser seguido. "Este programa é o que o mundo pede. Ele tem metas claras e objetivas. É um exemplo de responsabilidade a ser seguido", comentou o secretário estadual.

0 comentários :

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Compartilhar

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo