Facebook

domingo, 18 de setembro de 2011

Território dos Lençois/Munim mostra a força de sua produção

Renato Viana Waquim     setembro 18, 2011  Sem Comentários

'Nunca imaginei que eu venderia tudo tão rápido!' O susto tomou conta de dona Madalena Gonçalves, produtora de farinha de mandioca, quando viu os 23 quilos de sua farinha acabarem logo abertura da II Feira Territorial de Economia Solidária e Agricultura Familiar dos Lençois/ Munim, que teve início, na noite de quinta-feira (15) e encerra neste sábado (17), em Barreirinhas.

A farinha produzida por dona Madalena tem uma particularidade: o primeiro tipo é saborizado com côco; o segundo, com manteiga. A característica única conquistou o público da feira. Só a lojista Raimunda Ana, moradora de Barreirinhas, comprou cinco quilos. "Não é todo dia que tem disso por aqui", comentou. A produtora de farinha comemorou o resultado. "Se vendeu tudo é porque a farinha é boa! Na próxima feira já vai dar pra trazer mais", garantiu.

Assim como Madalena, mais de 120 expositores de 61 grupos produtivos estão participando da Feira de Barreirinhas, comercializando a produção da Economia Solidária feita nos 12 municípios do Território. De acordo com Mariana Nascimento, coordenadora estadual das Feiras, a participação em Barreirinhas foi recorde. "De todas as feiras que organizamos essa foi a mais procurada", explicou. "Isso mostra o grau de organização e mobilização a que os grupos produtivos da região chegaram", comemorou. Além de farinha de mandioca, a região tem muita ênfase no artesanato de fibra de buriti e produção em mel.

As Feiras Territoriais de Economia Solidária e Agricultura Familiar são promovidas pela Secretaria de Trabalho e Economia Solidária, em parceria com o Fórum Estadual de Economia Solidária e a Delegacia Federal de Desenvolvimento Agrário. A rede de apoio das feiras também é grande, incluindo também bancos públicos. Para o secretário de Trabalho, José Antônio Heluy, a ampla articulação é fundamental para o sucesso do evento. "Todo apoio à Feira é agregador", destacou. "É dessa maneira que a feira oferece cursos de capacitação e faz articulação para apoio técnico e financeiro aos grupos produtivos", enfatizou.

O expositor Jailton Constantino, da comunidade de Taboca, povoado de Barreirinhas, precisou mandar buscar mais produtos para vender ainda no início do evento. "Ainda bem que nosso grupo produtivo fica perto daqui", comentou. A Associação dos Agricultores Ruralistas de Taboca beneficia produtos vindos do mel e frutas da região, do pólen ao doce de buriti. "Nossa produção melhorou muito depois que passamos a receber o apoio técnico da Ufma e vamos garantir a venda para os três dias de feira", explicou Jailton.

A Feira Territorial de Economia Solidária e Agricultura Familiar dos Lençois /Munim permanece na Praça do Trabalhador, em Barreinhas, até a noite de sábado. A próxima feira programada é a do Território do Vale do Itapecuru, que acontece nos dias 23 e 24 deste mês, no município de Cantanhede.

,

0 comentários :

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Compartilhar

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo