Facebook

Gadgets

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Apresentado cronograma de cursos para construção da Refinaria Premium I

Renato Viana Waquim     fevereiro 16, 2011  1 Comentários

Foi apresentado, nesta quarta-feira (16), ao Conselho Estadual do Trabalho (Conset), o cronograma geral dos cursos de qualificação profissional na área de construção civil, com vistas a atender à demanda de mão de obra ocasionada pela primeira fase das obras civis da Refinaria Premium I, em Bacabeira e Rosário. Os cursos oferecidos é o resultado de convênio celebrado entre o Ministério do Trabalho (MTE) e o Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo (Prominp).

O secretário de Estado de Trabalho e Economia Solidária, José Antônio Heluy, que preside o Conset, explicou que a proximidade entre as executoras, o conselho e a própria Setres, oportuniza um maior entendimento entre os envolvidos na ação. "Quando as ações deixam de ser isoladas há chances maiores de dar certo e atingir seu objetivo", disse. "E, nessa ação, a finalidade é inserir pelo menos 30% dos educandos no mercado de trabalho, mas do jeito que o mercado maranhense clama pela mão de obra da construção civil, acredito que todos terão amplas condições de rapidamente serem empregados após o fim dos cursos", enfatizou José Antônio.

De acordo com o cronograma, os cursos de pedreiro, carpinteiro, armador e pintor predial têm previsão de início para o dia 14 de março, nas cidades da Ilha de São Luís, Bacabeira, Santa Rita e Rosário, com futura extensão para os municípios de Morros e Icatu, considerados áreas de influência indireta do empreendimento.

A Agência de Trabalho do Sine de São Luís continua fazendo inscrições para os cursos, que tem como público de interesse trabalhadores fora do mercado de trabalho, com idade de 18 a 65 anos e que tenha concluído a 4ª série do Ensino Fundamental. A Secretaria de Estado de Trabalho e Economia Solidária (Setres) também estará com equipes móveis nos municípios que não tem Sine, para realizar o cadastramento dos interessados.


Apresentação

Em reunião ordinária do Conset as entidades executoras dos cursos - contratadas por meio de licitação realizada pelo MTE - mostraram aos conselheiros os detalhes da realização dos cursos, desde seu início, carga horária e conteúdos até a possibilidade de contratação dos trabalhadores que apresentarem o melhor desempenho durante a aprendizagem. As contratações serão feitas pelo Consórcio GSF (Galvão-Serveng-Fidens), responsável pelas obras iniciais do projeto.

O Conset, formado por conselheiros que representam as bancadas dos trabalhadores, dos empregadores e do poder público, ficou satisfeito com o desenvolvimento do projeto. Para José Terceiro Fontenelle, representante dos empregadores, a iniciativa é positiva, mas o Conset deverá cobrar mais oportunidades de qualificação. "Nunca será demais. Os governos federal e estadual precisam investir mais em ações de formação profissional porque o desenvolvimento do povo se traduz com educação", ponderou o conselheiro.

Os cursos têm carga horária de 200 horas, com previsão de duração de dois meses e meio. Na inscrição, o trabalhador poderá optar por fazer o curso pela manhã ou à tarde. De acordo com Benedito Teixeira, responsável por uma das executoras, o horário dos cursos é influenciado pela necessidade de aulas no campo de trabalho. "Seria impossível levar os alunos para um canteiro de obras à noite", explicou. Os cursos prevêem 10% das vagas para trabalhadores com deficiência.

, , ,

Um comentário :

Blog de Notícias de Rosário e Região


Os comentários não representam a opinião deste blog, a responsabilidade é única e exclusiva dos autores das mensagens.

Recent comments

Social

Recent Comments

Apagar

Últimas postagens

Deixe o seu recado

Advertise Here

Photography

Destaques

Gallery

RN no Facebook

About Us

Tempo